13.6.07

Nova Era




Cala o silêncio


o estrondo rompe


o núcleo de meu mundo


a poesia me sai pela fissura
texto e imagem: roberta silva

Nenhum comentário: